Folha culpa VÍTIMA de tentativa de ASSASSINATO ou é um texto confuso?

Em twitter confuso, Folha de São Paulo diz que cunhado de Ana Hickmann matou fã em hotel após emboscada.

Para quem não acompanhou o caso, em maio de 2016 Gustavo Corrêa estava no quarto quando ele, Ana Hickmann e sua esposa, Giovana Oliveira, foram atacados por um fã louco de Hickmann, Rodrigo Augusto de Pádua.

O fã tentou assassiná-los atirando em Giovana, Gustavo então se pôs em uma luta corporal com Pádua, desarmando-o e o matando.

Corrêa foi processado por homicídio doloso indo a tribunal do juri e tendo enfrentado uma batalha judicial por mais de 3 longos anos, finalmente foi absolvido em setembro de 2019.

Nesta quarta-feira, dia 20/11, recebeu, por indicação do deputado Eduardo Bolsonaro, a medalha do mérito legislativo, a maior honraria dada pela câmara.

Lei também:

Vera Magalhães culpa Bolsonaro e Salles pelo desmatamento na Amazônia

O Mindinho de Prosa não espera que haja uma isenção da mídia e defende que as instituições privadas sejam livres para assumirem as posições políticas e defenderem os valores que desejarem. Este blog mesmo defende abertamente os valores liberais.

Porém, entendemos que esses valores políticos jamais devem estar acima da justiça e verdade objetiva dos fatos. Gustavo foi inocentado da acusação de homicídio doloso, condecorado como um herói por ter salvado a própria vida e de duas pessoas inocentes da fúria de um louco que queria assassiná-los.

Portanto repudiamos o twitter que no mínimo foi uma falta de cuidado que abre brecha para uma interpretação ambígua e no máximo uma tentativa deliberada de associar negativamente a imagem de um inocente por ter sido homenageado pelo deputado Eduardo Bolsonaro.

Em ambos os casos, a folha merece uma repreensão da sociedade civil e por que não um boicote por parte do consumidor que não pretende ser feito de palhaço.

Apoiamos o pacote anticrime do Minsitro Sérgio Moro, que acabaria com o “excesso de legítima defesa” e teria impedido que, por pura burocracia, inocentes como Gustavo Corrêa tivessem que passar por 3 longos e estressantes anos sendo processado em um caso que claramente é inocente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s